BLOG

Buscar

Escrever errado compromete a imagem profissional

Atualizado: 26 de Set de 2018

Fazer uso correto da língua portuguesa é indispensável em qualquer apresentação ou conversa, seja ela formal ou informal, falada ou escrita.


Seja em uma conversa, palestra, entrevista, prova, relatório ou em uma corriqueira troca de e-mails, os erros são frequentes e podem prejudicar o sucesso do seu trabalho.

Por isso, dominar a norma culta do português e ter uma redação bem estruturada - falando e escrevendo de acordo com as regras da língua portuguesa - é fundamental para o sucesso da mensagem que está sendo transmitida.


Confira 7 dicas e use a língua portuguesa a seu favor:


1 - Anexo: é preciso concordar o adjetivo anexo ao número e gênero do substantivo a que ele se refere. Prefira usar “anexo” no lugar de “em anexo”. Exemplo: o ideal é falar “seguem anexas as propostas”, em vez de “seguem em anexo”.


2 - Verbos fazer e haver: os verbos FAZER, para exprimir tempo; e HAVER, no sentido de existir; não podem variar. Exemplos: Faz dez dias. Houve muitos problemas.


3 – Retificar/ Ratificar: erro comum nas palavras de grafia parecida, mas significados totalmente contrários. Ratificar significa confirmar. Já retificar é o ato de corrigir.


4 - Despercebido/ Desapercebido: a dúvida é corriqueira e geralmente a palavra desapercebida acaba sendo usada de forma equivocada. Despercebido significa sem atenção. Já desapercebido significa desprovido. Exemplo: O erro passou despercebido.


5 – Separar sujeito do verbo: um dos erros mais comuns da linguagem escrita é o uso indevido de vírgulas. E separar o sujeito do verbo em uma oração é o mais corriqueiro deles. Veja: “A assessora de comunicação da empresa contratada, entrou em contato com o cliente”. Não há vírgula nesta oração, pois o sujeito da oração (a assessora) não pode ser separado do verbo “entrar”.


6 – A ou Há: Quando indica tempo passado, o correto é usar HÁ. “Há 10 anos eu moro nesta cidade”. Já quando a indicação for de tempo futuro, usa-se o A. “Minha casa fica a 5 minutos daqui”.


Checkup Comunicação Estratégica